conecte-se conosco


Pets

Solidariedade: Ainda dá tempo de doar e ajudar a SOS Animais de São Gabriel

Publicado em

Foto: Pixabay

Aconteceu no último sábado (15), a live solidária em prol da SOS Animais de São Gabriel da Palha. Com um repertório variado, Sheila Sabará e Ricardo Boa, agitaram a internet com vários hits.

O evento de cunho social, teve como objetivo a arrecadação de recursos, ração, remédios e outros que possam ajudar nos cuidados com os pets. A SOS Animais, em São Gabriel da Palha, recebe animais maltratados ou que estão em situação de abandono e sofrimento nas ruas.

Faça parte dessa corrente do bem

Para quem não conseguiu assistir a live e ajudar, a boa notícia é que as doações para contribuir com a SOS Animais continuam durante os próximos dias. Basta entrar em contato pelo número 27 99951-1996 e fazer a sua parte.

“Tivemos bastante doações em rações, e uma quantia arrecadada pelo PicPay durante a live. Quem desejar ajudar é só entrar em contato com a gente, e se preferir nós vamos até a pessoa para pegar as doações” disse Edna de Fátima Pratti (Zel), uma das organizadoras do evento.

leia também:  Lei proíbe uso de animais em testes no Espírito Santo

A live pode ser vista clicando aqui.

Fonte: Editora Hoje

Pets

Lei proíbe uso de animais em testes no Espírito Santo

Está proibida, no Espírito Santo, a utilização de animais para desenvolvimento, experimentos e testes de produtos cosméticos, higiene pessoal, perfumes, limpeza e seus componentes. A norma está prevista na Lei 11.325, da deputada Janete de Sá (PMN), originária do Projeto de Lei (PL) 233/2021, e foi publicada no Diário Oficial do Estado (DIO/ES) na última terça-feira (13).

A lei prevê punições para quem desrespeitar a regra. Para instituições, a multa é de 50 mil Valores de Referência do Tesouro Estadual (VRTEs), o equivalente a cerca de R$ 180 mil por cada animal utilizado em experimentos, penalidade que será dobrada em caso de reincidência. Já o profissional envolvido terá de desembolsar quase R$ 7,3 mil (2 mil VRTEs), multa que também será dobrada para quem persistir na infração.

Conforme o texto, os valores arrecadados poderão ser destinados para custeio das ações, publicações e conscientização da população sobre a guarda responsável e os direitos dos animais ou também direcionado para instituições, abrigos ou santuários de animais. Os recursos poderão ainda ser investidos em programas estaduais de controle populacional por meio da esterilização cirúrgica dos animais e outros programas que visem à proteção e ao bem-estar dos animais.

leia também:  Lei proíbe uso de animais em testes no Espírito Santo

Outra medida prevista na lei é o incentivo, por parte do Poder Executivo, isoladamente ou em regime de cooperação com instituições públicas, ou particulares, para realização de pesquisas científicas e tecnológicas com objetivo de substituir o uso de animais por alternativas éticas que assegurem confiabilidade nos resultados.

Conforme o texto, a fiscalização da lei e a aplicação das multas decorrentes de sua infração ficarão a cargo dos órgãos competentes da administração pública estadual.

Visualizar

MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido!!

INFORMATIVO

Chat aberto
1
Precisa de nossa ajuda ?
Olá, nós do ES1 podemos te ajudar de alguma forma