conecte-se conosco


Turismo - ES1.com.br

Santa Teresa Gourmet: o saboroso festival da cozinha e cultura italiana

Publicado em

O Santa Teresa Gourmet, um dos principais eventos gastronômicos do Espírito Santo, já começou. Neste ano, o tema “A Itália é aqui: A primeira colônia italiana”, para comemorar a Lei nº 13.617, que reconhece a cidade como pioneira da imigração italiana no Brasil.
Apresentando para o público a tradicional cozinha italiana, o festival também trará artesanato, diferentes artes, danças e muita música. A programação – que vai até o próximo dia 22 – acontece nos restaurantes e na praça Augusto Ruschi. O evento conta com convidados exclusivos para comandar a cozinha ao vivo, além de atrações musicais, cervejas artesanais e food trucks.
Já confirmadas entre as atrações estão o Chef Edd Campos do BBQ Brasil, Chef Juarez Campos do Restaurante Oriundi, Chef Alessandro Eller apresentador do programa Receitas do Chef e do reality show Chef de Família da TV Vitória, as Chefs Giovanna Moyzés e Marcela Bourguignon da Universidade Vila Velha, Chef Luiza Sampaio do Enseada Mediterrâneo, Chef Flávia Gama da Chocolateria Brasil, Chef Flávia Steves do blog Cozinha da Flávia, Chef Ariella Brasil do Marildas Brasil.
A Chef local Kamila Zamprogno vai proporcionar um jantar no Restaurante Café Haus. Continuando a agenda, o Santa Teresa Gourmet terá aulas de cerveja artesanal com Zé Olavo, da Else Beer, e também sobre Café especiais e fermentados, com Carlinhos Altoé, do Vale de Caxixe, e o mestre de torra Jonathan Piazzarollo.
O projeto “Viver e Reviver” traz as Nonnas da 3ª idade, que na edição passada encantaram o público, para cozinha ao vivo para darem aulas de gastronomia, juntamente com o Chef Sidney Gomes. 

leia também:  Setur-ES lança cartilha de orientações para gestão pública do Turismo

História: Secos & Molhados

Para lembrar da memória dos imigrantes italianos, os primeiros habitantes de Santa Teresa, o evento vai retratar uma venda de Secos & Molhados, uma modalidade de comércio da época. Antigamente, era mais conhecido como “venda” ou “vendinha”, que funcionava com uma balança no balcão e as conchas nas sacas de cereais. Dessa forma, eram pesados o feijão, açúcar mascavo, fubá e até fumo, depois eram distribuídos em sacos de estopa, sacolas de papel ou em caixas de madeira.

Assessoria de comunicação/ Setur

Turismo - ES1.com.br

Como entrar na Polônia sem visto por meio do ETIAS

Uma das formas de visitar a Europa é através do ETIAS – Sistema Europeu de Autorização de Viagem. Ele se trata de uma série de protocolos de segurança que garantem o acesso do turista, mesmo na ausência de um visto comum. Ou seja, pessoas que querem viajar para o continente europeu, mas não possuem visto agora tem uma nova oportunidade de conseguir adentrar os países legalmente. Essa mudança passa a valer a partir deste ano (2022). Agora, as pessoas que quiserem conhecer a Polônia encontram uma facilidade a mais no processo.

 

Como entrar na Polônia utilizando o ETIAS

O turista deve acessar o formulário online para obter seu permisso de viagem para a Europa. Para efetuar com sucesso esse procedimento, o cidadão precisa de:

– Passaporte validado.

– Endereço de e-mail oficial;

– Cartão de débito ou cartão de crédito – é necessário pagar a taxa de inscrição no programa.

Sem algum desses pré-requisitos o turista não terá condições de ser aceito em diversos países do velho continente. Contudo, ao obedecer às etapas corretamente, a aceitação acontece em alguns minutos, geralmente.

leia também:  Duas novas oficinas de capacitação em Pancas

No final do questionário para preenchimento individual, o solicitante deverá responder uma série de perguntas sobre segurança e também sobre saúde. As respostas, bem como as informações pessoais, serão checadas por protocolos de alta segurança, como: SIS, VIS, DATA, Interpol e EUROPOL. A confirmação do processo será encaminhada por e-mail.

Descubra o que é preciso saber antes de conhecer a Polônia

Uma das primeiras características do país polonês que pode ser destacada está no seu baixo custo para os turistas, em comparação às nações vizinhas. Além disso, a Polônia não deixa nada a desejar quando o assunto trata de belas paisagens. Ainda que seja um local frio do coração europeu, a natureza por lá guarda incríveis cenas, típicas dos mais belos filmes já produzidos pela humanidade.

Ao utilizar o ETIAS para entrar no país, o turista poderá conhecer livremente os seguintes locais:

– Alemanha;

– República Checa;

– Eslováquia;

– Ucrânia;

– Bielorrússia;

– Lituânia;

– Província russa de Oblast Kaliningrado.

Além das possibilidades de transitar entre diferentes culturas, o norte da Polônia é banhado pelo mar báltico e apresenta belas praias e mais de 1.3 mil lagos em todo o território nacional. O clima costuma apresentar-se como temperado, sendo um pouco mais quente na direção do ao leste. Existem regiões em que o verão costuma fazer um calor bastante agradável.

leia também:  Entorno do parque Estadual Pedra Azul recebe Festival Ambiental e Cultural

Por ser um destino ainda pouco visitado, o turismo por lá tem tudo para ser algo especial. Afinal, é possível conhecer a cultura do lugar como de fato ela é e não apenas através de celebrações encenadas voltadas para turistas tirarem suas fotos e irem embora. Acredite, a viagem para a Polônia pode ser uma das mais marcantes da sua vida, sem nenhuma dúvida.

Visualizar

MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido!!