conecte-se conosco


Agricultura - ES1.com.br

Renegociação do Funrural poderá ser prorrogada

Publicado em

Membro da Comissão de Agricultura da Câmara dos Deputados e coordenador institucional da Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA), o deputado federal Evair de Melo trabalha para que o Governo Federal prorrogue o prazo de adesão ao programa de parcelamento de dívidas de produtores com o Fundo de Assistência ao Trabalhador Rural (Funrural). A prorrogação por dois meses faz parte do texto de uma Medida Provisória que deverá ser votada nesta semana na Câmara dos Deputados.

A medida atende a um pedido da FPA que aponta uma série de pendências que inviabilizaram a adesão até 28 de fevereiro, prazo limite previsto. Nesta segunda-feira (26), Evair participou de um encontro na Federação da Agricultura e Pecuária do Espírito Santo e disse estar confiante na aprovação da prorrogação.

Em relação aos vetos presidenciais à Lei 13.606/2018, que ainda serão apreciados pelo Congresso Nacional, o parlamentar capixaba afirmou que a expectativa é grande para a derrubada dos vetos que inviabilizaram a renegociação das dívidas dos produtores.

 

Vetos

Ao todo foram vetados 24 dispositivos da Lei 13.606/2018, que trata do Fundo de Assistência ao Trabalhador Rural (Funrural) e das renegociações das dívidas dos produtores. Entre os vetos está uma emenda proposta por Evair que trata das operações de crédito rural de custeio e investimento contratadas até 31 de dezembro de 2016 nos municípios da área de atuação da SUDENE e do Estado do Espírito Santo que poderiam ser prorrogadas com vencimento entre 2020 e 2030.

leia também:  Equídeos: atestado de mormo não será mais exigido no ES

Se o veto for derrubado, terão direito à prorrogação os produtores que comprovem perdas em decorrência de fatores climáticos, sendo dispensada essa comprovação no caso de Municípios que tivessem decretado situação de emergência ou de estado de calamidade pública. A lei 13.340/2016 já tinha dado autorização similar, mas somente para dívidas contratadas até 2011. Portanto, a proposta apresentada pelo parlamentar capixaba amplia esse prazo por mais 5 anos.

Assessoria Evair de Melo / Editora Hoje

Agricultura - ES1.com.br

Colatina recebe R$ 4 milhões em recursos para agricultura familiar

Os recursos foram viabilizados durante a gestão do Deputado Federal Paulo Foletto na Secretaria de Estado da Agricultura nos últimos 3 anos

Em três anos, o município de Colatina recebeu quase 4 milhões em equipamentos, máquinas e veículos para a agricultura. Os recursos foram viabilizados durante a gestão do deputado federal Paulo Foletto (PSB) na Secretaria de Estado da Agricultura, Abastecimento, Aquicultura e Pesca (Seag). Os investimentos beneficiaram diversas associações e cooperativas de produtores rurais do município, além de auxiliarem nos serviços rurais da Prefeitura de Colatina.

Foram entregues itens de fundamental importância para o trabalho e rotina das famílias da agricultura familiar colatinense. As entregas ao município vão desde caminhão truck caçamba basculante (R$429 mil), pá carregadeira (R$323 mil) e trator agrícola 75cv (R$ 153 mil) até descascadores de café, computadores, carreta agrícola, balança eletrônica, tanque decantador para mel, secadores de café, entre outros.

Na última quinta-feira (23), o deputado entregou um caminhão baú frigorífico para a Cooperativa de Agricultores Familiares de Colatina (Caf Colatina). O Presidente da Caf, Wellington Schmild, recebeu o veículo junto com os demais membros da cooperativa.

“Quero agradecer ao deputado Paulo Foletto pela parceria e confiança no trabalho da cooperativa. Hoje estamos recebendo este equipamento que vai dar mais mobilidade ao nosso trabalho de entrega das polpas de frutas. Nosso muito obrigado!”, disse Wellington.

leia também:  Exportação de café solúvel bate recorde nos primeiros nove meses de 2019

No último fim de semana, o deputado Paulo Foletto também acompanhou três entregas nas comunidades de Barra Seca e de São Luiz da Barra Seca. Foram entregues um trator 75cv para a Associação de Produtores Rurais de São Luiz, e um pilador e um secador de café para a Associação de Produtores de Barra Seca.

“Eu tenho que agradecer muito ao governo Casagrande e ao deputado Paulo Foletto que nos deu essa oportunidade, que confiou em nosso trabalho”, disse o presidente da associação da comunidade de São Luiz da Barra Seca, José Braz Setto.

Para Foletto, todas estas entregas no município de Colatina, que somam quase 4 milhões, são resultado de uma gestão comprometida com a agricultura capixaba. “São benefícios que mudam a vida das comunidades agrícolas do Espírito Santo. O governo Casagrande se comprometeu desde o início da gestão com o fortalecimento da agricultura familiar capixaba, seja com infraestrutura rural, equipamentos e investimentos em pesquisa e tecnologia”, explicou.

Fonte: Assessoria

Visualizar

MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido!!

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

novo cartaz apae2