conecte-se conosco


Saúde - ES1.com.br

Pesquisa indica melhor jeito de comer brócolis

Publicado em

Um estudo recente indica o melhor jeito de comer brócolis para manter o sulforafano, composto ligado à prevenção ao câncer.
Pesquisadores chineses indicam, na pesquisa publicada no periódico científico Journal of Agricultural and Food Chemistry, que é o melhor é cortar o brócolis e deixa-lo em repouso por 90 minutos antes de fritá-lo no método stir-fry, popular na China. Essa técnica requer uma panela específica chamada wok.
A avaliação consistiu na análise de três métodos de consumo do brócoli: cru, preparado logo após ser cortado e com o período de repouso de uma hora e meia. O estudo concluiu que de a penúltima opção ofereceu 2,8 vezes menos sulforafano do que a última.
Antes de submeter o brócoli aos métodos citados, os pesquisadores o cortaram em pedaços de apenas 2 mm para ativar o processo de produção de mirosinase, enzimas que as plantas desenvolveram para protegerem-se de animais herbívoros. Durante o período de repouso do vegetal, a atividade de mirosinase produz o sulforafano, que pode fazer bem à saúde.
Essa atividade não acontece de forma intensa durante o preparo na cozinha porque ela não lida bem com o calor. Por conta disso, a pesquisa indica que o método mais indicado é deixar o brócoli em repouso antes de submetê-lo ao stir-fry, após ser cortados em pequenos pedaços–ou comê-lo cru.
Os pesquisadores agora se dedicam a reduzir a necessidade de cortar o brócolis em pedaços tão pequenos para obter resultados semelhantes.

leia também:  Entenda como funcionará o Posto Avançado do Corpo de Bombeiros em São Gabriel

Exame

Saúde - ES1.com.br

Covid-19: Brasil registra 122 mortes e 45,5 mil casos em 24 horas

O Brasil registrou, desde o início da pandemia de covid-19, 672.033 mortes pela doença, informa o boletim epidemiológico divulgado nesta segunda-feira (4) pelo Ministério da Saúde. O número total de casos confirmados da doença está em 32.535.923.

Em 24 horas, foram registrados 45.501 casos. No mesmo período, foram confirmadas 122 mortes de vítimas do vírus.

Ainda segundo o boletim, 30.967.114 pessoas se recuperaram da doença e 896.776 casos estão em acompanhamento. No levantamento de hoje, não consta atualização dos dados de Mato Grosso do Sul.

Os números em geral são menores aos domingos, segundas-feiras ou nos dias seguintes aos feriados pot causa da redução de equipes que alimentam os dados sobre a doença. Às terças-feiras e dois dias depois dos feriados, em geral, há mais registros diários pelo acúmulo de dados atualizado.

Boletim Epidemiológico Boletim Epidemiológico

Boletim Epidemiológico – 04/07/2022/Divulgação/ Ministério da Saúde

Estados

De acordo com os dados disponíveis, São Paulo lidera o número de casos, com 5,74 milhões, seguido por Minas Gerais (3,65 milhões) e Paraná (2,63 milhões).

leia também:  você sabia que Complicações com diabetes pode levar a cegueira ?

O menor número de casos é registrado no Acre (127,1 mil). Em seguida, aparecem Amapá (161,8 mil) e Roraima (161,9 mil).

O estado de São Paulo é o que apresenta o maior número de mortes pela doença (171.072), seguido pelo Rio de Janeiro (74.183) e por Minas Gerais (62.197).

O Acre é o que registra o menor número de mortes (2.005), seguido por Amapá (2.141) e Roraima (2.153).

Vacinação

Até hoje, foram aplicadas 450,1 milhões de doses de vacinas contra a covid-19, sendo 177,4 milhões com a primeira dose e 157,7 milhões com a segunda dose. A dose única foi aplicada em 4,9 milhões de pessoas e 95 milhões já receberam a dose de reforço.

Edição: Nádia Franco

Fonte: EBC Saúde

Visualizar

MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido!!

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

novo cartaz apae2