conecte-se conosco


Educação - ES1.com.br

MPF/ES recebe inscrições para processo seletivo de estágio

Publicado em

O Ministério Público Federal no Espírito Santo (MPF/ES) está com inscrições abertas para processo seletivo para formação de cadastro de reserva de estagiários dos cursos de Direito e Arquivologia. Os alunos de Direito poderão atuar em Vitória, Colatina, Linhares e São Mateus. Já os de Arquivologia somente em Vitória.

As inscrições podem ser realizadas até as 23h59 do dia 6 de abril nos seguintes endereços eletrônicos, de acordo com a localidade para o qual o candidato vai atuar:

Procuradoria da República no Espírito Santo (Vitória)
https://apps.mpf.mp.br/gps/estagiarios/selecao/processo_seletivo_estg.cfm?concurso=1312

Procuradoria da República no Município de Linhares
https://apps.mpf.mp.br/gps/estagiarios/selecao/processo_seletivo_estg.cfm?concurso=1314

Procuradoria da República no Município de Colatina
https://apps.mpf.mp.br/gps/estagiarios/selecao/processo_seletivo_estg.cfm?concurso=1313

Procuradoria da República no Município de São Mateus
https://apps.mpf.mp.br/gps/estagiarios/selecao/processo_seletivo_estg.cfm?concurso=1315

Após preenchimento do formulário online o candidato deverá remeter via e-mail para o endereço [email protected] em um único documento, no formato pdf, cópias do CPF, carteira de identidade, declaração atualizada de escolaridade e histórico escolar.
Caso que o candidato concorra às vagas pelo sistema de minoria ou deficiência deve entregar documentos adicionais, conforme detalhado no edital.
Poderão concorrer às vagas de estágio os estudantes que tenham concluído pelo menos o 2º ano ou 4º semestre do curso superior, quando este tiver dez ou mais semestres de duração; ou o 3º semestre para cursos que tenham menos de dez semestres de duração. A bolsa é de R$ 850, mais auxílio-transporte, para uma carga horária de 20 horas semanais.

leia também:  Pancas: Secretaria de educação realiza abertura do ano letivo 2020

Prova

A prova será realizada no dia 29 de abril (domingo), a partir das 13h30, em locais que serão divulgados no endereço http://www.mpf.mp.br/es/estagie-conosco/nivel-superior. O prazo de validade do processo seletivo é de um ano, prorrogável por igual período, contado da publicação da homologação do resultado.
O processo seletivo consistirá na aplicação de prova objetiva com 30 questões para os alunos de Arquivologia. Já os alunos de Direito farão prova objetiva e discursiva, sendo 40 questões objetivas de múltipla escolha e, no máximo, duas questões discursivas, com um ou mais subitens.
O conteúdo programático que será abordado nas provas está disponível no Edital.

Assessoria de Comunicação Social/ MPF ES

Educação - ES1.com.br

Dia D da Busca Ativa Escolar de Nova Venécia acontece às quintas-feiras

A Prefeitura de Nova Venécia, por meio da Secretaria Municipal de Educação (Seme), seguindo o cronograma do dia D da Busca Ativa Escolar, na quinta-feira (30), disponibilizou equipes para visita técnica aos Distritos de Cedrolândia e São Gonçalo, pela manhã e em bairros do município veneciano, no período da tarde. Foram recebidos  7 alertas, sendo 5 localizados com êxito.

A Seme implantou  a estratégia Busca Ativa Escolar no ano passado, com o objetivo de identificar, registrar, controlar e acompanhar crianças e adolescentes, em idade escolar obrigatória, de 4 a 17 anos que estão fora da escola.

A partir de abril deste ano, a Seme criou o dia D,  que acontece  semanalmente às quintas-feiras. O trabalho é desenvolvido  entre as Secretarias Municipais de Educação, Saúde e Assistência Social, cada uma atuando no âmbito de suas competências de forma integrada e articulada.

De acordo com a coordenadora da Busca Ativa, um cronograma é feito pelo setor com base nas informações inseridas, feita pela unidade escolar, na plataforma. “Os  dados da Plataforma nos permitem  identificar se o aluno está matriculado e não está frequentando as aulas”, disse. Segundo ela, outra forma de obtenção de informações é por meio dos agentes de saúde, que,  ao visitarem as famílias, acabam por identificar  alunos fora da escola.

leia também:  Escola de Alegre promove reflexão sobre democracia e cidadania

Além de trazer o aluno de volta para a escola, a estratégia monitora a criança e/ou adolescente para garantir sua permanência nas unidades escolares.

Sobre a estratégia
A Busca Ativa Escolar foi desenvolvida pelo Fundo das Nações Unidas para Infância (UNICEF), em parceria com a União de Nacional de Dirigentes Municipais de Educação (Undime), com o apoio do Colegiado Nacional de Gestores Municipais de Assistência Social (Congemas) e do Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde,  como estratégia para apoiar os governos na identificação, registro, controle e acompanhamento de crianças e adolescentes, em idade escolar obrigatória, de 4 a 17 anos.

Fonte: Ascom|PMNV

Visualizar

MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido!!

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

novo cartaz apae2