conecte-se conosco


Geral

Moradora de São Paulo procura por familiares da avó em São Gabriel

Publicado em

Alice Pacheco era casada com Manoel Martins e morava no sítio do Srº Jacinto, nos arredores de São Gabriel. Foto: Arquivo Pessoal.

Residente de São Paulo, Ângela Cristina Barbosa Ferreira, cresceu ouvindo as histórias antigas de família que a avó, Alice Pacheco (in memoriam), contava. Ângela relata que a avó saiu de São Gabriel da Palha, há cerca de 56 anos atrás, quando a atual cidade, fazia parte de Colatina, sendo conhecida como distrito de São Gabriel.

Alice Pacheco era casada com Manoel Martins e morava no sítio do Srº Jacinto, nos arredores de São Gabriel. O casal teve cinco filhos: Edson, Lídia, Olívia, Irani, e Paulo. Como a situação estava muito difícil para a família, o filho mais velho do casal, Edson mudou-se para o Estado do Mato Grosso do Sul. Lá ele conseguiu um trabalho e por volta de 1965 retornou ao município para buscar a sua família.

“Faz mais de 50 anos que minha avó saiu de São Gabriel, ela tinha vários familiares na cidade. Se viva, hoje ela teria quase 90 anos. A maioria dos filhos moram no Mato Grosso do Sul e duas filhas moram em São Paulo com alguns netos. Estamos procurando por nossos familiares, pois não conhecemos nenhum parente por parte da minha avó. E a gente gostaria muito de ter um contato, de saber quem é e como eles estão. Há um tempo atrás, ficamos sabendo que tínhamos algumas primas em São Gabriel, uma tia minha tinha conseguido um contato, mais infelizmente acabou o perdendo”, conta Ângela.

leia também:  Iniciação Científica de Matemática: Sedu divulga resultado do processo seletivo

“Minha avó, Alice Pacheco tinha vários familiares na cidade e que nunca mais teve contato. Tios: Joaquim que tinha filhos por nome Célia e Ademar. Diva Pacheco, filhos, Zizinha e Marlene. Irmãs: Dinorá, Berciliana e Cecilia.  Ela casou em Cachoeiro do Itapemirim e também tinha parentes nesta cidade”, lembra Ângela.

Quem tiver alguma informação sobre o paradeiro de algum familiar pode entrar em contato pelo telefone (16) 98139-0736.

Fonte: Editora Hoje

Cidades

Cerca de 348 famílias serão beneficiadas com o Cartão ES Solidário em Vila Valério

Famílias do município de Vila Valério, começaram a receber há alguns dias, o Cartão ES Solidário do Governo do Estado. De acordo com informações, cerca de 348 famílias valerienses serão beneficiadas com o Cartão ES Solidário.

As entregas estão sendo realizadas de acordo com o calendário de entrega definido pelo Governo do Estado. Nesta primeira etapa de distribuição, das 360 famílias beneficiadas, 101 já haviam recebido seu cartão até a última sexta-feira (07).

O Cartão ES Solidário é um benefício de transferência de renda, destinado às famílias que já estão na base de dados do Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico), caracterizadas pelo recorte de renda de extrema pobreza (renda de até R$ 147 por pessoa) e que incluem crianças de 0 a 6 anos no grupo familiar; ou idosos com mais de 60 anos; ou pessoas com deficiência. O auxílio tem como principal objetivo oferecer às famílias selecionadas a possibilidade de adquirir alimentos e outros itens de primeira necessidade que as famílias considerarem essenciais.

leia também:  Dia do Soldado é celebrado em São Gabriel da Palha

A Secretária de Assistência Social, Rozimárcia Izoton, destacou a importância dessa ação para auxiliar as famílias mais vulneráveis neste momento da pandemia da Covid-19.

“Esse auxílio é de extrema importância para as famílias em um período de tantas dificuldades. Sabendo que muitas mães não tem como sair para trabalhar, já que no momento não têm onde deixar seus filhos (creches), sabendo de pessoas que passam por sérios problemas de saúde, e também famílias que se dedicam aos cuidados de idosos e pessoas com deficiência, não tendo uma renda que possa custear as despesas, sei que este auxílio pode amenizar os problemas vivenciados. Por isso a necessidade de ajudar essas famílias a tomar conhecimento desse auxílio disponibilizado pelo Governo Estadual, orientando-os a buscar seu cartão na agência do Banestes”, afirmou a Secretária.

Para maiores informações clique aqui.

Fonte: Editora Hoje

Visualizar

MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido!!

INFORMATIVO

Chat aberto
1
Precisa de nossa ajuda ?
Olá, nós do ES1 podemos te ajudar de alguma forma