conecte-se conosco


Saúde - ES1.com.br

Hospital Estadual Dr. Alceu Melgaço Filho vai receber ultrassom e vários outros equipamentos

Publicado em

O Hospital Estadual Dr. Alceu Melgaço Filho (HDAMF), deverá receber em breve um conjunto de equipamentos de saúde que irá melhorar muito o atendimento às parturientes que procuram o nosocômio. A pedido do vereador Juvenal Calixto Filho, vice-presidente da Câmara Municipal, o deputado federal Carlos Manato destinou emenda no valor de R$ 300 mil para a compra dos equipamentos.

camera_enhance Diretor do hospital, Gustavo Lacerda, disse que recursos já estão liberados (Crédito: Editora Hoje)

Esta semana o diretor geral do hospital, Gustavo Lacerda, informou ao site ES1 e jornal Notícia Certa, que os recursos já estão na conta do Fundo Estadual de Saúde e só falta licitar a compra dos equipamentos. Lacerda destacou que os equipamentos são muito importantes para melhorar o atendimento aos pacientes do hospital.

Para o funcionário do setor de Manutenção do HDAMF, Misael Xavier, todos os equipamentos são fundamentais para o hospital. “Parabéns para o vereador Juvenal Calixto Filho, nosso hospital precisa muito da ajuda dos nossos vereadores e deputados”, elogiou.

leia também:  Nova Venécia possui 211 casos ativos de COVID-19, 146 pessoas curadas e 13 óbitos - 01/07

Ao todo, são 52 equipamentos que vão atender diversos setores do HDRC, mas principalmente a ginecologia, obstetrícia e cardiologia. “Só o aparelho de ultrassom para diagnósticos na área de ginecologia e obstetrícia, custa R$ 100 mil e vai poupar muitos recursos e tempo às parturientes. O monitor multiparâmetros para o centro cirúrgico, no valor de R$ 70 mil é outro equipamento de grande importância e utilidade”, destaca o vereador Juvenal Calixto.

Também servidor do hospital, o vereador Paulo Roberto dos Reis, o Paulinho, disse que o trabalho do colega em prol do hospital é digno de elogios de toda a comunidade. “Nós temos trabalhado para ajudar a comunidade na área de Saúde e o nosso colega Juvenal também tem feito excelente trabalho nesse sentido.”

Calixto Filho lembrou que foi funcionário do hospital por quase dez anos, como motorista, mas é a primeira vez que tem oportunidade, como vereador, de ajudar o hospital a melhorar as condições de atendimento.

“Agradecemos ao deputado Manato por ter atendido ao nosso pleito, colocando no Orçamento Federal os recursos para ajudar a melhorar a qualidade do atendimento no hospital”, finalizou o vereador.

leia também:  Conheça as principais doenças transmitidas durante a chuva

 


camera_enhance Juvenal, com Lucas, diretor administrativo do hospital e o advogado Evaldo Oliveira (Crédito: Editora Hoje)



camera_enhance Emendas para o hospital vieram do deputado Carlos Manato (Crédito: divulgação)


Editora Hoje

Saúde - ES1.com.br

Covid-19: Brasil registra 122 mortes e 45,5 mil casos em 24 horas

O Brasil registrou, desde o início da pandemia de covid-19, 672.033 mortes pela doença, informa o boletim epidemiológico divulgado nesta segunda-feira (4) pelo Ministério da Saúde. O número total de casos confirmados da doença está em 32.535.923.

Em 24 horas, foram registrados 45.501 casos. No mesmo período, foram confirmadas 122 mortes de vítimas do vírus.

Ainda segundo o boletim, 30.967.114 pessoas se recuperaram da doença e 896.776 casos estão em acompanhamento. No levantamento de hoje, não consta atualização dos dados de Mato Grosso do Sul.

Os números em geral são menores aos domingos, segundas-feiras ou nos dias seguintes aos feriados pot causa da redução de equipes que alimentam os dados sobre a doença. Às terças-feiras e dois dias depois dos feriados, em geral, há mais registros diários pelo acúmulo de dados atualizado.

Boletim Epidemiológico Boletim Epidemiológico

Boletim Epidemiológico – 04/07/2022/Divulgação/ Ministério da Saúde

Estados

De acordo com os dados disponíveis, São Paulo lidera o número de casos, com 5,74 milhões, seguido por Minas Gerais (3,65 milhões) e Paraná (2,63 milhões).

leia também:  Adolescentes têm amplo acesso à compra de cigarros, constata Inca

O menor número de casos é registrado no Acre (127,1 mil). Em seguida, aparecem Amapá (161,8 mil) e Roraima (161,9 mil).

O estado de São Paulo é o que apresenta o maior número de mortes pela doença (171.072), seguido pelo Rio de Janeiro (74.183) e por Minas Gerais (62.197).

O Acre é o que registra o menor número de mortes (2.005), seguido por Amapá (2.141) e Roraima (2.153).

Vacinação

Até hoje, foram aplicadas 450,1 milhões de doses de vacinas contra a covid-19, sendo 177,4 milhões com a primeira dose e 157,7 milhões com a segunda dose. A dose única foi aplicada em 4,9 milhões de pessoas e 95 milhões já receberam a dose de reforço.

Edição: Nádia Franco

Fonte: EBC Saúde

Visualizar

MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido!!