conecte-se conosco


Internacional

Epidemia de covid-19 desacelera no Reino Unido

Publicado em

© REUTERS/Hannah Mckay/Direitos Reservados


A epidemia de covid-19 no Reino Unido está desacelerando levemente, e se estima que a taxa de transmissão “R” esteja abaixo de 1, o que mostra o impacto do segundo lockdown nacional da Inglaterra na diminuição das infecções, disseram especialistas do governo nesta sexta-feira (27).

O número de infecções novas está encolhendo entre 0% e 2% a cada dia, informou o Escritório Governamental de Ciência britânico –o informe da semana passada estimou que ele estava aumentando entre 0% e 2%.

A taxa R foi estimada entre 0,9 e 1, o que significa que cada 10 pessoas infectadas contaminarão entre 9 e 10 pessoas, menos do que a faixa de 1,0-1,1 da semana passada.

Cientistas do governo disseram que as estimativas se baseiam nos dados mais atualizados até 24 de novembro, mas essa defasagem significa que o impacto das restrições adotadas na Inglaterra no dia 5 de novembro só começa a ser visto e ainda não pode ser avaliado plenamente.

“As estimativas R para a Inglaterra podem continuar a diminuir no futuro, e podem já estar abaixo de 1 em todas as regiões”, disse o Escritório Governamental de Ciência em um comunicado.

leia também:  UE pede reforma da OMS e novas abordagens para pandemias

O lockdown nacional termina na quarta-feira, e será substituído por um sistema regional de restrições escalonadas.

Um terço da Inglaterra está sujeito às limitações mais rígidas contra a covid, e no geral o esquema está mais rigoroso, já que o sistema escalonado antigo não manteve as taxas de infecção baixas e levou o primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, a anunciar o lockdown nacional mais recente em 31 de outubro.

 

Internacional

Total de mortes no mundo por covid-19 passa de 2 milhões


O número de mortes provocadas pela pandemia do novo coronavírus já ultrapassou dois milhões.

Dados reunidos pela Universidade Johns Hopkins, nos Estados Unidos, apontam para o número exato de 2.000.905 mortos em inúmeros países.

A contagem diária do número de mortes por vezes ultrapassou 15 mil desde dezembro. O maior número de óbitos por país ocorre nos Estados Unidos.

Doença cresce no Japão

O governo de Tóquio confirmou hoje (16) 1.809 novos casos de coronavírus na capital japonesa.

Trata-se da segunda maior marca para um dia de sábado, após os 2.268 casos registrados em 9 de janeiro.

O número total de pessoas com diagnóstico positivo em testes para o coronavírus em Tóquio é agora de 83.878.

 

leia também:  Câmara dos EUA está determinada a aprovar projeto de US$ 2,2 tri
Visualizar

MAIS LIDAS

error: O conteúdo está protegido !!
Chat aberto
1
Precisa de nossa ajuda ?
Olá, nós do ES1 podemos te ajudar de alguma forma