conecte-se conosco


Estado

Detran|ES divulga resultado do programa CNH Social

Publicado em

O Departamento Estadual de Trânsito do Espírito Santo (Detran|ES) divulga, nesta terça-feira (13), às 12 horas, a lista com os nomes dos 4.500 selecionados na segunda fase do programa CNH Social 2020, por meio do site www.detran.es.gov.br.

A seleção atraiu 58.086 interessados em obter de forma totalmente gratuita a Primeira Habilitação nas categorias A (moto) ou B (carro). Condutores já habilitados que querem fazer a mudança de categoria para D (van, micro-ônibus, ônibus) ou E (caminhão e carreta) e para a adição de categoria A ou B. A lista contempla candidatos selecionados de forma eletrônica, de acordo com os critérios estabelecidos pelo programa.

O programa CNH Social é uma iniciativa para que as pessoas de baixa renda no Estado possam ter formação e serem sensibilizadas sobre a importância da proteção da vida no trânsito, além de capacitação a partir da obtenção de uma carteira de motorista, com vistas ao mercado de trabalho.

O diretor geral do Detran|ES, Givaldo Vieira, destaca que o processo on-line, além de garantir que o cidadão possa fazer tudo de casa, é importante para dar mais transparência e efetividade ao programa. “Todo o processo, desde a inscrição até a seleção, é feito de forma eletrônica, sem interferência humana, obedecendo aos critérios estabelecidos pelo programa e considerando os dados informados pelo próprio cidadão no Cadastro Único. Isso é importante para dar transparência ao programa e conceder o benefício para quem realmente precisa e pode utilizar essa CNH como um diferencial no mercado de trabalho. Vale registrar que essa edição bateu o recorde de inscrições, com mais de 58 mil interessados”, ressalta Vieira.

leia também:  Continuam abertas inscrições para VI Semana Estadual de Tecnologia da Informação e Comunicação. Evento on-line e gratuito começa na próxima segunda (19)

Prazos

Os candidatos selecionados nesta fase devem obedecer aos prazos de abertura e conclusão das etapas do processo de Habilitação. O candidato que não respeitar os prazos estabelecidos será desclassificado, perderá o benefício e o Detran|ES convocará os candidatos suplentes, em ordem classificatória.

Os candidatos listados têm o prazo de 30 dias para realizar matrícula on-line no site www.detran.es.gov.br/cnhsocial, momento em que será feita a distribuição equitativa do Centro de Formação de Condutores (CFC).

Após matrícula on-line, o candidato terá 30 dias para se dirigir, presencialmente, até o CFC indicado e concluir a abertura do RENACH. No prazo de 60 dias, o candidato deve fazer a coleta biométrica, que deve ser agendada pelo próprio cidadão no site www.agendamento.es.gov.br.

Os candidatos de categoria A e B têm o prazo de 60 dias para concluir os Exames Médico e Psicológico na Clínica credenciada indicada pelo Detran|ES.

Chance para suplentes

Para aqueles candidatos que não forem selecionados nessa lista, haverá uma nova oportunidade de ser contemplado. No dia 16 de novembro, às 12 horas, será divulgada uma chamada única de suplentes no site do Detran|ES. O objetivo é preencher as vagas remanescentes após desclassificação de candidatos que não respeitarem prazos estabelecidos no processo de Habilitação. No ano passado, 1,2 mil suplentes foram chamados nas duas fases do programa.

leia também:  ‘Comunicação Digital para Empreendedores’ é o tema da semana do Hora do Empreendedor

Programa

Lançado em 2011, na primeira gestão do governador Renato Casagrande, o CNH Social oferece formação, qualificação e habilitação profissional para condutores de veículos, visando à possibilidade de ingresso no mercado de trabalho. Em quatro anos, serão oferecidas 25 mil carteiras de habilitação gratuitas pelo programa. Em 2020, para a oferta de 7 mil CNHs, serão investidos quase R$ 7,5 milhões.

Dúvidas

Para esclarecer quaisquer dúvidas a respeito do programa CNH Social, envie um e-mail para [email protected] ou pelo Telegram (27) 99982-5821 (este telefone não recebe chamada).

Fonte: Governo ES

Estado

Estado será o primeiro no país a ter contrato de descomissionamento de plataformas de petróleo com a Petrobras


O secretário de Estado de Desenvolvimento, Marcos Kneip, abordou o tema “Descomissionamento de Plataformas”, nesta terça-feira (27), durante sua participação no “Fórum “Oil & Gas Week 2020 Espírito Santo”. Na ocasião, as potencialidades do Estado foram destaque. O evento está sendo realizado pela Federação das Indústrias do Espírito Santo (Findes), por meio do Fórum Capixaba de Petróleo e Gás, em parceria com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae).

Mais de 200 participantes acompanharam a apresentação conduzida pelo secretário de Estado de Desenvolvimento, Marcos Kneip, que durante sua fala afirmou que o Espírito Santo é pequeno em extensão territorial, mas imenso em oportunidades.

“O Estado vem enfileirando rankings que transmitem segurança para quem quer empreender. Aqui mantemos o diálogo constante, republicano e transparente com os empresários. Somos nota A, de acordo com o Tesouro Nacional; 64% do PIB brasileiro está dentro de um raio de 1000 quilômetros da capital; somos o oitavo estado que mais exporta no Brasil, de acordo com o Ministério da Economia; temos a melhor nota no Ensino Médio no País, segundo o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb). Estamos em quarto lugar em eficiência dos estados e ocupamos a quinta colocação em competitividade. E queremos ir mais longe”, afirmou.

leia também:  Professoras criam solução para bloquear odor em banheiros públicos

O Estado será o primeiro do País a ter contrato de descomissionamento marítimo com a Petrobras e o início dos trabalhos está previsto para o mês de novembro. “A estimativa é que nos próximos cinco anos sejam contratados R$ 26 bilhões em serviços de descomissionamento somente pela Petrobras. Neste contexto, podemos oferecer: apoio marítimo, matéria-prima, manutenção preventiva e corretiva e estaleiro, comercialização de sucata, serviços submarinos, mão de obra qualificada e incentivos fiscais”, concluiu Kneip.

A especialista em Políticas Públicas e Gestão Governamental da Secretaria de Desenvolvimento (Sedes), Fernanda Orletti, apresentou um panorama técnico sobre o descomissionamento de plataformas.

Participaram do evento o diretor técnico do Sebrae/ES, Luiz Henrique Toniato; a diretora geral da Organização Nacional da Indústria do Petróleo (ONIP), Karine Fragoso; e o gerente geral de descomissionamento da Petrobras, Eduardo Zacaron.

Oil & Gas Week 2020 Espírito Santo

O evento visa a criar e conectar negócios entre empresas, aproximar players e possíveis parceiros, divulgar as competências do Estado do Espírito Santo, atrair investidores e promover conhecimentos e oportunidades no setor. Empresas, fornecedores, entidades e associações de P&G, profissionais e estudantes do setor, startups e empresas de base tecnológica, farão parte do público participante dos Seminários e Rodadas de Negócios promovidas na ocasião.

leia também:  Empresa alia tradição do cacau linharense à inovação e mira mercado externo

Informações à Imprensa:
Assessoria de Comunicação da Sedes/Ipem
Andreia Foeger / Gabriela Galvão
(27) 3636-9707 / 99942-9537 / 3636-9708
[email protected] / [email protected]  

Fonte: Governo ES

Visualizar

MAIS LIDAS

error: O conteúdo está protegido !!
Chat aberto
1
Precisa de nossa ajuda ?
Olá, nós do ES1 podemos te ajudar de alguma forma