conecte-se conosco


Saúde

Covid-19: Saúde autoriza recursos para 3,2 mil leitos de UTI

Publicado em

© Reuters / Bruno Kelly / Direitos Reservados


Com hospitais superlotados em diversas regiões do país, o Ministério da Saúde autorizou nesta terça-feira (2) o financiamento de 3.201 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) exclusivos para pacientes com covid-19. A medida consta em portaria publicada em edição extra do Diário Oficial da União (DOU), assinada pelo ministro Eduardo Pazuello. A portaria lista cerca de 150 municípios espalhados em 22 estados. O valor a ser desembolsado pelo governo federal para custear as internações soma R$ 153,64 milhões, caso todos os municípios façam a solicitação à pasta.

Pela portaria, as solicitações de autorização de leitos, que terão caráter excepcional e temporário, devem ser encaminhadas por meio do Sistema de Apoio à Implementação de Políticas em Saúde (SAIPS), disponível no endereço eletrônico www.saips.saude.gov.br. Entre outros documentos, os municípios atendidos devem assegurar a existência de um respirador por leito, equipamentos e recursos humanos necessários para as internações.

Até dezembro, o Ministério da Saúde financiava cerca de 60% dos leitos de UTI em todo o país, mas esse número caiu para cerca de 15% este ano, por causa do fim da vigência do estado de calamidade pública, que permitia a transferência de recursos ao estados além do orçamento regular.  

leia também:  Amazonas: restrição na circulação de pessoas fica mais rigorosa

A portaria prevê repasses retroativos à manutenção de leitos de UTI referentes a janeiro e fevereiro, como forma de ressarcir os estados que, nesses dois meses, tiveram de utilizar exclusivamente recursos próprios para abrir novos leitos de UTI.

Em relação a janeiro, a portaria autorizou o financiamento de 1.135 leitos em cidades de 16 estados com pagamento retroativo de R$ 54,48 milhões por mês. Já em relação a fevereiro, foi autorizado o financiamento de 2.025 leitos adultos e 41 leitos pediátricos em cidades de 22 estados, com custo total de R$ 99,16 milhões ao mês, totalizando os 3.201 leitos de que trata a portaria.

O número de óbitos por covid-19 bateu novo recorde hoje, de acordo com o balanço diário do Ministério da Saúde. Ao todo, 1.641 mortes foram notificadas desde ontem, o maior patamar desde o início da pandemia no país. O total de mortos pela doença no país está em 257.361 e o número total de infectados chega a 10,6 milhões de pessoas.

Edição: Aline Leal

leia também:  Conheça 10 alimentos que ajudam na prevenção do câncer de próstata
Fonte: EBC Saúde

Saúde

Mais de 2,5 mil doses de vacina contra a Covid-19 já foram aplicadas em Vila Valério

Os trabalhos de imunização contra a COVID-19 continuam em Vila Valério. Conforme o boletim ‘vacinômetro’ divulgado na segunda-feira (19), pela Prefeitura Municipal e Secretaria de Saúde, o número de doses aplicadas chega a 2505 mil no município.

Ao todo, 1814 idosos receberam a 1ª dose da vacina. Desse total, 238 idosos receberam a 2ª dose. Na área da saúde, 278 profissionais já receberam a 1ª dose da vacina. Desse total, outros 175  receberam a 2ª dose.

A munícipe Maria da Penha é uma defensora da vacina e destaca o avanço no processo de vacinação realizado na cidade: “A vacina é nossa esperança. Estamos em uma luta diária em favor da vida e vamos vencer esta guerra contra a pandemia”, afirma.

“Eu estava esperando muito pela vacina e fiquei muito emocionado quando a recebi. É gratificante ter essa oportunidade e agradeço demais à prefeitura e profissionais da saúde pelo empenho e trabalho que vem realizando”, afirmou o Srº José.

De acordo com a Secretaria, as vacinas estão sendo aplicadas segundo o cronograma estabelecido pelo Estado, que nesse momento prevê a vacinação de idosos e profissionais da saúde.

leia também:  Conheça 10 alimentos que ajudam na prevenção do câncer de próstata

Fonte: Editora Hoje

Visualizar

MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido!!
Chat aberto
1
Precisa de nossa ajuda ?
Olá, nós do ES1 podemos te ajudar de alguma forma