conecte-se conosco


Policial - ES1.com.br

BPMA resgata serpente exótica em São Mateus

Publicado em

Nesta quarta-feira (11), a 3ª Companhia do Batalhão de Polícia Militar Ambiental (BPMA), realizou o regate de uma cobra Píton da Birmânia, que estava na residência de uma família, no balneário de Guriri, em São Mateus.

Os militares da equipe de resgate animal foram acionados pela família para recolher uma Jiboia, montando uma operação para retirar o réptil com os equipamentos específicos para esse tipo de ação. No local, para a surpresa da equipe, foi verificado que não se tratava de uma Jiboia, espécie da fauna silvestre brasileira, mas uma Píton da Birmânia (Píton Birmanês), que estava sendo criada em cativeiro como animal de estimação pela família que solicitou o recolhimento.

Dado o tamanho descomunal da serpente, que é nativa do continente asiático, a equipe policial realizou uma operação para concluir o resgate do réptil, sendo empenhado um efetivo de nove policiais militares ambientais para o resgate, contenção e o transporte do animal até o Projeto Cereias, em Aracruz.

A serpente possuía cerca de 4 metros de comprimento e 80 quilos de peso corporal, motivo pelo qual foi utilizado um veículo do tipo van da Polícia Ambiental para executar o transporte, que foi realizado no compartimento de carga, visto que não havia caixas de contenção capazes de comportar o réptil.

leia também:  Polícia Militar prende taxista da Bahia que transportava drogas para São Gabriel da Palha

A solicitante informou aos policiais que recebeu o animal de presente de um familiar, quando era um filhote, e que mantinha a cobra dentro de um viveiro especial, mas que, em face do crescimento descomunal e da força do réptil, foi rompida a proteção de vidro do local, sendo inviável continuar com a sua manutenção.

A soldado Rayane Moraes Batalha ressalta que, para haver a importação de animais exóticos para criação em cativeiro residencial ou comercial, é necessária uma autorização do Ibama. Além disso, os animais devem ser adquiridos em criadouros comerciais registrados, sendo necessária uma avaliação biológica e emissão de laudos específicos, para evitar que possíveis doenças sejam transmitidas aos seres humanos e a fauna nativa.

O comandante da 3ª Companhia Ambiental, capitão Fabrício Pereira Rocha, informa que a Píton Birmanesa é uma espécie de cobra originária do sudeste e sudoeste asiático, sendo uma das cinco maiores cobras do mundo, podendo atingir até 8 metros de comprimento e muito mais de 100 quilos por espécime, além de possuírem uma alimentação diversificada que inclui animais de grande porte, como cervos, porcos selvagens, roedores, répteis e aves.

leia também:  Homem condenado a 29 anos de prisão é detido pela Polícia Civil de São Gabriel

A Píton Birmanesa foi destinada ao Projeto Cereias em Aracruz, onde passará por quarentena, e será encaminhada posteriormente para um local adequado a sua manutenção de forma legal.

Informações à Imprensa:

Assessoria de Comunicação da PMES:
Tenente-coronel GASTÃO DOS SANTOS ALVES JÚNIOR
Tels. (27) 3636-8717 / 3636-8718
E-mail: [email protected]

Subseção de Jornalismo PMES:
Tel. (27) 3636-8715
E-mail: [email protected]

Fonte: PM ES

Policial - ES1.com.br

Três suspeitos são detidos durante Operação Sentinela em Nova Venécia

Na manhã dessa quinta-feira (26), policiais militares do 2º Batalhão da Polícia Militar (BPM) e policiais civis da 17ª Delegacia de Polícia (DP) de Nova Venécia deflagraram a Operação Sentinela, cujo objetivo foi cumprir nove mandados de busca e apreensão domiciliar em vários bairros de Nova Venécia. Durante a ação, três pessoas foram presas e foram apreendidos uma grande quantidade de drogas ilícitas, arma de fogo, munições e dinheiro.

Na primeira residência, localizada no bairro Municipal II, um jovem de 21 anos e uma mulher de 23 foram presos. Na casa do casal, os policiais conseguiram apreender sete buchas de maconha, caderno de anotações do tráfico de drogas, 14 pinos vazios para comercializar drogas, R$ 4.631 em dinheiro e dois aparelhos celulares. No bairro Centro de Nova Venécia, uma mulher de 30 anos foi presa. Dentro do segundo imóvel, foram encontradas uma pistola calibre .38 e oito munições do mesmo calibre.

No bairro Aeroporto II, na residência de uma jovem de 19 anos, foram realizadas buscas, porém ninguém foi preso e nada de ilícito foi apreendido. Por último, na casa de um homem de 53 anos, no bairro Altoé, diligências foram realizadas, mas o proprietário não se encontrava no local e nada de irregular foi encontrado.

leia também:  Polícia Civil realiza operação e prende duas pessoas em Jaguaré

Os suspeitos presos responderão por tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo de usos restrito. O jovem de 21 anos foi conduzido para o Centro de Detenção Provisório (CDP) de São Domingos do Norte. Já as duas mulheres de 23 e 30 anos foram conduzidas para o Centro de Detenção Provisória (CDP) de São Mateus, todos ficando à disposição da Justiça.

Texto:  Brenda Corti, estagiária da Seção de Imprensa e Comunicação Interna (Sicoi) 

Assessoria de Comunicação Polícia Civil
Comunicação Interna – (27) 3137-9024
[email protected]
 

Informações à Imprensa:

Matheus Zardini / Olga Samara  

(27) 3636-1574 / (27) 99297-8693 / (27) 3636-1536 / (27) 99846-1111

[email protected]

Visualizar

MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido!!

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

NOVO GIF SICOOB
Chat aberto
1
Precisa de nossa ajuda ?
Olá, nós do ES1 podemos te ajudar de alguma forma